FAQ

  1. Gerar uma chave de segurança no site da SEFAZ;

  2. Configurar a chave na interface;

  3. Acompanhar o estado dos cupons.

O contribuinte poderá gerar a chave de segurança, acessando o sistema SGRSAT e clicando no menu Sistema > Gerar Chave de Segurança.

Acessando o serviço Locker, vá no menu Configurações > Estrutura > selecione a empresa alvo e acesse a aba > Configurações, substitua o valor “1” pela chave gerada.

O sistema irá consultar os servidores de SEFAZ em alguns momentos para obter o estado de processamento de cada cupom, aguarde algumas horas para que essa ação seja iniciada.

Os cupons podem ser visualizados na coluna Situação SEFAZ na lista de notas, através do menu > Notas do serviço Locker.

Esse campo pode assumir os seguintes valores:

  • Pendente: situação do cupom ainda não foi verificada junto a SEFAZ, pode ou não já ter sido transmitido;

  • Autorizado: cupom transmitido e processado com sucesso (autorizado) pela SEFAZ;

  • Com inconsistência: cupom transmitido e processado com inconsistência pela SEFAZ;

  • Com alertas: cupom transmitido, autorizado pela SEFAZ, mas apresenta algum alerta (ex: emissão de um documento com layout desatualizado).

Primeiramente, verifique qual o erro ou motivo da inconsistência. Essa informação pode ser visualizada no serviço TaxGO passando o mouse no rótulo de “Inconsistente” da nota. Após reconhecer o erro, consulte a página de perguntas frequentes da SEFAZ para obter instruções de como proceder em cada caso.

A chave não possui prazo de validade, porém pode ser substituída a qualquer momento pelo contribuinte, ao acionar o botão > Substituir Chave de Segurança, uma nova chave será gerada e a anterior perderá imediatamente a validade.

A chave é válida para todos os contribuintes de mesmo CNPJ base, é válido para todas as consultas de lotes e cupons de todos equipamentos SAT vinculados.